29 de Jul de 2021

Uma das diversas cirurgias possíveis nos olhos é a Smile. Existente há um pouco mais de 30 anos, é conhecida por ser uma excelente opção de cirurgia refrativa. Vamos entender um pouco mais sobre ela.

O que é

O primeiro passo para compreender essa cirurgia é falando sobre a miopia e o astigmatismo.

Miopia – Dificuldade de ver objetos em longas distâncias. Isso ocorre porque existe um erro de refração da imagem, sendo assim, a pessoa a vê desfocada.

Astigmatismo – Dificuldade de enxergar objetos tanto de longe quanto de perto. Alguns sintomas são o cansaço visual ou dores de cabeça.

Agora que você entendeu um pouco mais sobre essas patologias, vamos apresentar as três cirurgias refrativas existentes.

Na PRK, é removida a camada superficial do olho e em seguida recebe a aplicação de um laser. Já na Lasik, antes de aplicar o laser, é levantado um pedaço da córnea. Após o procedimento, esse pedaço é reposicionado.

A Smile é uma técnica cujo nome em inglês significa – Small Incision Lenticule Extraction (Extração lenticular com pequena incisão). É conhecida por ser um processo menos invasivo do que os demais, além de ser realizado com apenas um laser e em uma única etapa.

Para que serve

A Smile é uma cirurgia refrativa, ela pode corrigir a miopia, o astigmatismo ou uma combinação dos dois.

Como é feita a cirurgia

Para evitar dores nos olhos, é aplicado um colírio anestésico. Também será colocado um suporte sobre as pálpebras para imobilizá-las. Estando com todo esse processo inicial feito, é aplicado um laser que criará um pedaço pequeno de tecido na córnea, no formato de uma lente. Depois disso, utilizando o mesmo laser, o cirurgião irá fazer uma pequena incisão na superfície da córnea, removendo a lente. É a partir dessa alteração no formato da córnea que acontece a correção.

Cuidados pós-cirúrgicos

A Smile, por ser menos invasiva, possui um tempo de recuperação menor do que as outras. Mesmo assim, existem cuidados que devem ser feitos no pós-operatório. Entre eles:

  • Não coçar os olhos;
  • Não dirigir por 24 horas;
  • Utilizar o colírio indicado pelo médico;
  • Evitar ficar na frente de telas luminosas.

Não se preocupe se sua visão ficar embaçada nas primeiras 24 horas depois do procedimento. Ela irá se estabelecer sozinha com o passar do tempo.

 

 

 

 

 

Fonte: Hospital de Olhos de São Paulo