17 de Out de 2019

Olho1

O Dia Mundial da Saúde Ocular foi celebrado em 10 julho e a data traz um alerta para os cuidados com os olhos que devem ser feitos diariamente. Para o oftalmologitsa, Dr. Ederson Engel, é importante consultar um especialista regularmente para evitar doenças oculares que normalmente são silenciosas. “Existem doenças graves que não apresentam sintomas e são descobertas somente com consultas, como o glaucoma, catarata, ambliopia, ceratocone, retinopatia diabética entre outras”, afirma o médico. Além disso é preciso ficar atento a mudanças, como a diminuição da visão.

Existem diversas patologias presentes na córnea que resultam na necessidade de um transplante e elas independem de idade. Em jovens, por exemplo, a causa mais comum para um transplante de córnea é o ceratocone, uma deformidade causada pelo ato de coçar os olhos em excesso. “Até o mal-uso de lentes de contato pode gerar a necessidade de um transplante de córnea”, informa o oftalmologista. 

A doação de córneas funciona da mesma forma que a doação dos demais órgãos, é preciso que a pessoa manifeste a família sua vontade de doar seus órgãos em caso de óbito. Para o transplante não é preciso um estudo de compatibilidade de tecidos.

Cuidados importantes para evitar doenças oculares:

- Não coçar os olhos: pode causar deformidade da córnea.

- Uso de óculos solar: previne a degeneração macular e tumores oculares.

- Uso de óculos com grau correto: previne ambliopia (síndrome do olho preguiçoso).

- Ler com iluminação adequada.

- Limitar o tempo de leitura em telas (celular, tablet, computador).

- Proteger os olhos de acidentes: uso de óculos de proteção.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: assessoria de comunicação do Hospital Marieta