17 de Ago de 2019

É natural que, com o passar do tempo, a visão mude e comecem a surgir alguns distúrbios oculares. A presbiopia, por exemplo, conhecida popularmente como vista cansada, costuma atingir pessoas com mais de 40 anos, especialmente as mulheres. Segundo um levantamento realizado pelo Healthy Sight Institute, 57% das mulheres relataram ter algum problema de visão, enquanto o porcentual dos homens ficou em 47%. As diferenças na anatomia do olho e na capacidade de foco, sem contar as mudanças de hábito e as flutuações hormonais, fazem com que as mulheres necessitem de correção mais cedo do que os homens, consequentemente, elas precisam usar, prematuramente, óculos de leitura e lentes multifocais, que permitem visão nítida para perto e para longe. 

As lentes progressivas ZEISS Multifocais, da alemã ZEISS, são ideais para pessoas a partir de 40 anos que precisam contar com óculos de fácil e rápida adaptação, principalmente para as mulheres, que vivem uma rotina agitada e estão sempre em busca de mais conquistas pelo seu espaço. Mais um motivo para abrirem os olhos e redobrarem os cuidados em relação à saúde.

Além de foco rápido, as lentes ZEISS Multifocais oferecem visão mais nítida em qualquer hora do dia, evitando a fadiga nos momentos de leitura e uso de dispositivos digitais. Outro destaque é a Tecnologia UVProtect, que oferece máxima proteção aos olhos contra os raios UV.

Olho vivo na campanha

A ZEISS lançou uma campanha com o objetivo de conscientizar a população, especialmente as mulheres, sobre a importância do uso de lentes de boa qualidade e oferece as lentes progressivas ZEISS Multifocais a partir de R$ 400,00 - armação à parte.  “É mais uma forma de incentivar as mulheres a cuidarem da saúde ocular, já que são mais vulneráveis aos distúrbios de visão”, destaca Flavio Nery, Gerente de Produto.

Com o mote “a melhor lente não é mais cara que as outras”, a ação reforça os atributos ZEISS, a alta tecnologia empregada na fabricação e o símbolo “Z”, impresso nas lentes que auxilia os consumidores na identificação da marca, que possui qualidade muito superior a outras opções do mercado.

5 fatores que atrapalham a saúde dos olhos da mulher

A oftalmologista Dra. Alessia Braz esclarece e reforça a importância de manter as consultas em dia.

  • Genética - O sexo feminino é geneticamente mais propenso a adquirir doenças reumatológicas e autoimunes, como o lúpus, a artrite reumatoide e a esclerose múltipla, doenças que provocam a síndrome do olho seco e outros distúrbios inflamatórios do olho;
  • Anticoncepcional - O uso de anticoncepcional, especialmente a pílula, tende a diminuir a lubrificação dos olhos;
  • Longevidade - A expectativa de vida da mulher, segundo dados do Intituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), é de 79 anos e os homens, 72.  Com essa sobrevida, é comum surgirem problemas inerentes à idade, como a menopausa, que induz ao olho seco. A catarata também é mais comum nas mulheres pelo fato de viverem mais e pela própria questão hormonal;
  • Estilo de vida - Cigarro e exposição ao sol também atrapalham a visão das mulheres, principalmente das que possuem poucos recursos e têm pouco acesso à saúde pública;
  • Cosmiatria - O uso da maquiagem pode causar alergias nos olhos, por isso é proibido compartilhar e dormir sem fazer uma boa assepsia dessa região. Além de alergias, o uso inadequado desses produtos pode causar infecções nos olhos. Vale também ficar atenta ao prazo de validade dos cosméticos.

 

 

 

 

Fonte: Assessoria de comunicação ZEISS