14 de Nov de 2018

Estimativas da OMS mostram que entre 60% e 80% dos casos de cegueira são resultado de causas previsíveis e/ou tratáveis. Grupo Opty realiza ações para conscientizar a população sobre importância da saúde ocular

Amanhã, dia 11, é celebrado o Dia Mundial da Visão. A data estabelecida anualmente na segunda quinta-feira de outubro, é um convite global destinado a chamar a atenção sobre a cegueira e a deficiência visual. É a oportunidade de lembrar e discutir a importância dos cuidados com a saúde dos olhos e mostrar à população os benefícios das medidas preventivas.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), oito de cada dez casos de perda de visão poderiam ser evitados, se detectados precocemente com visitas periódicas ao oftalmologista. "Perdas de oportunidades no mercado de trabalho, deficiências na aprendizagem e acidentes são algumas das consequências no dia a dia, quando crianças, jovens e adultos não visitam o oftalmologista regularmente. Muitos não buscam ajuda médica ao apresentarem os primeiros problemas de visão, não dando importância a pequenas alterações na visão, o que pode causar danos irreversíveis", comenta o oftalmologista Dr. Sérgio Kniggendorf, do Hospital Oftalmológico de Brasília (HOB), empresa do Grupo Opty.

As causas da deficiência visual podem ser congênitas ou adquiridas. Dependendo da faixa etária em que os exames oftalmológicos são realizados, pode-se descobrir doenças como catarata, glaucoma, degeneração macular relacionada à idade (DMRI), retinopatia diabética e toxoplasmose ocular, algumas das doenças mais comuns entre os brasileiros, porém nem sempre com sintomas perceptíveis pelo indivíduo, podendo levar à perda parcial ou total da visão, daí a importância da consulta oftalmológica de rotina, mesmo sem a manifestação de sinais.

Ações sociais

Para contribuir com a conscientização da população sobre a importância da saúde ocular, o Grupo Opty planejou uma série de ações. Durante todo o mês, equipes de técnicos e oftalmologistas orientarão interessados em saber como cuidar melhor da visão, além de realizar testes básicos, como auferir a pressão dos olhos.

Cidades satélites do Distrito Federal estão recebendo o Programa Olho Vivo, promovido pelo Hospital Oftalmológico de Brasília (HOB) e Grupo INOB, empresas do Grupo Opty. Mutirões de conscientização dos problemas relacionados à visão em locais públicos de Samambaia e Ceilândia estão realizando agendamento remoto para as unidades do grupo na região. Já amanhã, Dia Mundial da Visão, a ação acontece na Administração de Taguatinga, Praça do Relógio, das 10h às 16h. No dia 21, das 15h às 17h, com apoio da Rádio Globo, é a vez do Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem fazer a Blitz da Saúde Ocular na subida do Mirante, ponto turístico de Joinville (SC). Em uma tenda que terá como atração uma cabine fotográfica, serão entregues cartilhas com o tema "Preserve a saúde de seus olhos".

Dicas e cuidados com a visão

- Consulte um médico oftalmologista pelo menos uma vez ao ano.

- A partir dos 40 anos de idade, medir a pressão intraocular anualmente, para a detecção precoce do glaucoma. Se tiver familiares com a doença, é aconselhável monitorar desde a juventude.

- Evitar o uso excessivo do celular, computador ou televisão, que causam a vista cansada e, segundo pesquisas, podem aumentar a miopia em crianças.

- Evite coçar os olhos. Esse hábito pode causar danos à estrutura ocular.

- Evite a exposição prolongada ao sol sem óculos com proteção UVA/UVB, que pode acarretar problemas sérios na visão e aumentar a predisposição a doenças oculares.

- Consumir alimentos que auxiliem na saúde dos olhos, ricos em vitamina A, C, E, Zinco, Ácidos Graxos e Ômega 3, como peixes, cenoura, couve e mamão.

- Saiba que hábito de fumar pode ser um fator de risco para algumas doenças, como a catarata.

 

 

 

 

Fonte: Assessoria de comunicação do Grupo Opty