23 de Mai de 2018

O Instituto de Olhos do Recife comemora 50 anos de fundação, neste mês, lançando a campanha "50 anos cuidando do olhar do pernambucano". A ação argumenta que, ao cuidar da visão do paciente, o IOR cuida também da forma como ele vê o mundo e a vida. Os sócios fundadores: Roberto Galvão, Durval Valença, Alzira Lins e Afonso Medeiros (in memoriam), desenvolveram, ao longo de meio século de atendimento em oftalmologia, uma relação de confiança com o paciente, fruto da visão humanista da instituição.

“Para nós, cuidar da visão dos pacientes é cuidar da maneira que eles veem a vida. Essa é a nossa mensagem. Para marcar a data e interagirmos melhor com os pacientes, também estamos lançando um novo site e implementando mudanças na nossa comunicação”, explica o diretor executivo do instituto, Afonso Medeiros.

Desde 1968, o IOR promove avanços para a oftalmologia no Estado, unindo técnicas inovadoras com um corpo médico altamente qualificado. “Nos últimos cinco anos investimos em torno de R$ 3 milhões na modernização da nossa estrutura física e em equipamentos de ponta, com o intuito de servir melhor nossos pacientes”, comenta Medeiros.

O IOR conta com duas unidades, sendo a sede no bairro do Espinheiro e a filial em Boa Viagem. Com 230 funcionários e uma equipe médica composta por mais de 40 renomados oftalmologistas, o instituto atende nas mais diversas especialidades oftalmológicas. Além de consultas, o instituto oferece mais de 50 exames e procedimentos, além de cirurgias ambulatoriais e com internação hospitalar. Outro serviço é a urgência 24 horas, que funciona em sistema de plantão, de domingo a domingo.

Educação

O IOR também se destaca pela responsabilidade social e seu compromisso com a educação. Como forma de manter sua equipe atualizada e transmitir conhecimento e experiência aos novos médicos, a entidade conta com uma residência médica em oftalmologia, desde 2001, e curso de Fellowship, desde 2008, na Fundação Ação Visual, seu braço filantrópico. Os cursos são credenciados pelo Ministério da Educação e pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO), respectivamente. Anualmente, são formados especialistas em catarata, estrabismo, glaucoma, lentes de contato e retina e vítreo.

Fundada há 14 anos, a Fundação Ação Visual presta atendimento oftalmológico pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Os pacientes são atendidos pelos residentes médicos, sob a preceptoria de oftalmologistas do staff do IOR. As consultas são realizadas nas instalações da fundação e, quando necessário, no IOR, que disponibiliza toda sua infraestrutura e equipamentos de ponta para exames e cirurgias.

O IOR também conta com um Departamento de Pesquisa Clínica, ligado ao Comitê de Ética em Pesquisa Médica do Hospital Agamenon Magalhães, responsável por julgar os estudos. O departamento é o único no Nordeste aprovado pela Anvisa e pela organização norte-americana Food and Drug Administration (FDA) para realizar pesquisas em oftalmologia. Até o momento, foram realizados estudos sobre glaucoma, mas o instituto está apto a desenvolver investigações em outras áreas oftalmológicas.

Fonte: Assessoria de comunicação do IOR