17 de Out de 2018

Simpósio abordará equipamento que irá aprimorar a experiência de médicos e pacientes com a cirurgia oftalmológica

A Alcon, empresa global de produtos oftalmológicos, estará presente no 43º Congresso da Sociedade Brasileira de Retina e Vítreo (SBRV), que acontece entre 12 e 14 de abril, em Foz do Iguaçu, para apresentar a médicos oftalmologistas um novo sistema 3D que contribuirá para melhora da postura do profissional durante as cirurgias e, ainda, trará impacto positivo na recuperação do paciente.

No segundo dia do congresso, em 13/4, a companhia contará com o Simpósio de Avanços em Cirurgia Vítreo-retiniana, ministrado pelos oftalmologistas Prof. Dr. Marcos Ávila e Dr. Márcio Nehemy, quando os médicos presentes acompanharão as apresentações e discussões utilizando os óculos 3D, afim de já estarem inseridos nessa nova realidade.

O Ngenuity é o primeiro equipamento que permite ao cirurgião ter uma visão 3D do olho que está sendo operado, com o uso dos óculos 3D, semelhante aos usados em salas de cinema. O médico consegue operar seu paciente olhando para uma tela de alta definição, eliminando a necessidade de curvar o pescoço para olhar pelo microscópio, o que melhora sua postura. 

“Essa é uma mudança significativa para o médico, uma vez que a cirurgia tradicional de vitrectomia pode demorar de 30 minutos a 3 horas”, reforça Dra. Vanessa Toscano, diretora da área médica da Alcon.

“Quanto mais fácil for para os cirurgiões realizarem essas cirurgias longas e delicadas, melhor será o seu desempenho e, consequentemente, o paciente será ainda melhor atendido em suas necessidades, o que é, sem dúvida, um de nossos principais objetivos”, afirma o diretor da área cirúrgica da Alcon, Rodrigo Guaraná.

De acordo com o Prof. Dr. Marcos Ávila, a nova tecnologia oferece visualização 3D aprimorada, com alta resolução, profundidade de imagem, claridade e contraste de cor, ao mesmo tempo em que ajuda a minimizar a exposição do olho do paciente à luz. “Essa redução tem impacto muito positivo na recuperação do paciente”, explica.

O equipamento, aprovado pela Anvisa no segundo semestre do ano passado, já começou a ser instalado em clínicas e hospitais brasileiros, com pacientes já operados em diversas regiões do país.

Sobre o Ngenuity

O sistema de visualização Ngenuity é composto por uma câmera de longo alcance dinâmico (HDR) que fornece excelente resolução. Com a tecnologia 3D, o cirurgião ganha em termos de visão de profundidade. Utilizando o equipamento também é possível que o médico aumente o zoom ao mesmo tempo em que mantém uma ampla visão do campo. Outra facilidade é a utilização de filtros digitais para personalizar a visualização durante o procedimento, aumentando a imagem das estruturas oculares e camadas de tecido. O equipamento é projetado para utilizar a luz de maneira otimizada durante o procedimento, reduzindo a fototoxicidade. 

Serviço:

43º Congresso da Sociedade Brasileira de Retina e Vítreo (SBRV)

Quando: de 12 a 14 de abril

Onde: Recanto das Cataratas - Foz do Iguaçu (PR)

 

 

 

 

 

 

Fonte: Assessoria de comunicação Alcon